Yuri da Cunha actua hoje, no Cine Tropical em Luanda

Yuri da Cunha realiza hoje, às 20h00, no Cine Tropical, um espectáculo em que homenageia, com canções inéditas, André Mingas e Teta Lando.


No espectáculo, enquadrado no projecto “ quartas tropicais”, que tem como convidados Bonga, Paulo Flores, DJ Mania, Rei Webba, Proletário, Ary e Calo Pascoal, Yuri da Cunha vai interpretar temas essencialmente de semba, alguns dos quais fazem parte do próximo disco, a ser lançado em 2012, como “Estou sem cuecas”, “Fato”, “Cínica” e “Dinheiro”. O músico é acompanhado pela sua banda constituída por Carlitos Tchiemba (viola baixo e direcção musical), Tavinho (teclas), Lito Graça (bateria), Chalana Dantas (percussão), Nelo do Som e Texas (guitarra), Ernesto Leite (piano) e Trícia, Fausto e Lito Graça, nos coros.

 

O artista, que prometeu apresentar também os melhores temas da sua carreira, disse estar preocupado com o semba feito pela nova geração.  “Sinto necessidade de introduzir mais instrumentos de percussão nos meus trabalhos para enriquecer os estilos nacionais a nível internacional”.O cantor salientou a importância de se apostar na qualidade das letras, o que, referiu, requer trabalho de investigação e também melhorar a vertente musical para haver maior qualidade e consistência nos estilos tradicionais angolanos.

 

 

“Tenho consciência que devo valorizar os instrumentos acústicos para tornar as canções mais originais”, destacou.

Yuri da Cunha nasceu no Sumbe, onde começou a cantar e venceu um concurso infantil de rua. Em 1994 participou no programa Rádio Piô. Editou “É Tudo Amor”,  “Eu” e “Kuma Kwa Kié”. Venceu vários troféus nacionais e internacionais, entre os quais o prémio Rádio Luanda 2008, na categoria “kianda do sucesso”. Em 2010 participou numa digressão, pela Europa, do músico Eros Ramazzotti.

 

Fonte: Jornal de Angola

Rádio Jet7 Angola

Vídeos Sugeridos

Procurar Vídeo