Rihanna: "Vou importar-me com o Chris Brown até morrer”

Apesar de em 2009 ter sido agredida pelo seu ex-namorado Chris Brown, Rihanna afirmou, que se importará com o cantor até aos últimos dias da sua vida, mesmo não tendo nenhuma relação de amizade com Chris Brown.

Na entrevista concedida à revista Vanity Fair, Rihanna revela que reatou a relação com Chris Brown em 2013, e nesta altura até gravaram uma música juntos, no entanto, pouco tempo depois acabaram por se separar.

Rihanna afirmou que protegia bastante o cantor, mas que o tempo a fez perceber que o melhor era deixa-lo partir e que apesar de tudo, não guarda mágoa de Chris Brown:

"Eu era muito protetora com ele. Sentia que as pessoas não o entendiam. Mesmo depois de tudo o que se passou. Mas percebemos que o tempo se torna inimigo (…) Foi aqui que finalmente tive que dizer, fui estúpida em pensar que fui feita para isto. Algumas vezes temos simplesmente que os deixar (…) Não o odeio”, afirmou.

Rihanna acrescentou que apesar de não serem amigos nem inimigos, continuará a importar-se com Chris Brown:

“Vou importar-me com ele até morrer. Não somos amigos, mas também não somos inimigos. Só não temos uma relação",disse

Quando questionada sobre a sua vida amorosa, Rihanna respondeu que o trabalho rouba muito do seu tempo e isso faz com que tenha medo dos relacionamentos, porque não é capaz de dar a atenção que o companheiro precisa:

“Tenho muito trabalho para me manter distraída. Acabo por não ter tempo para estar sozinha. E fico com medo dos relacionamentos, porque sinto-me culpada por querer alguém leal, quando eu não posso dar 10% da atenção que precisam", respondeu.

Fonte: Caras / Jet7 Angola

Rádio Jet7 Angola

Vídeos Sugeridos

Procurar Vídeo