Promotora de eventos «Casa70» promove farra do antigamente

Luanda - A promotora angolana de espectáculos, Casa70, promove no dia 2 de Setembro uma actividade recreativa denominada “farra do antigamente”, tendo como foco levar os frequentadores do espaço a recordar os “velhos sucessos musicais”.
 

Segundo fonte da casa, que avançou a informação hoje, quarta-feira, à Angop, a intenção é reunir os amigos e frequentadores assíduos do espaço ao sabor dos quitutes da terra e ao som de temas que marcaram e continuam a marcar o music hall nacional.
 

“Temos um compromisso com o nosso público, portanto, para além da realização de espectáculos ao vivo, temos também está vertente com dj para permitir que o público possa reviver músicas do antigamente”, disse a fonte.
 

De acordo com a fonte, tal iniciativa não inviabiliza a programação regular da casa, que tem até ao final do ano vários espectáculos com artistas nacionais e estrangeiros.
 

Para este segundo semestre a promotora tem programado quatro eventos previstos para Setembro, Outubro e Dezembro, com grande destaque para as actuações da Banda Maravilha, Yuri da Cunha e Paulo Flores.
 

De acordo com a programação da promotora a que a Angop teve acesso nos dias 13, 14 e 15 a Banda Maravilha centralizará as atenções com concertos para a gravação de um DVD ao vivo.
 

Para esta empreitada, a banda contará com as participações especiais do brasileiro Emílio Santiago e do cabo-verdiano Tito Paris. Além desses nomes, Paulo Flores e Carlitos Vieira Dias completam a lista do elenco convidado.
 

Entre 27 e 29 de Outubro será a vez de Yuri da Cunha e seus convidados, deixando por definir Novembro, enquanto o fecho da temporada acontecerá com o habitual Paulo Flores, que já se tornou tradição nos últimos três anos.
 

Os shows estão marcados para 7, 8, 9 e 10 de Dezembro, sendo que contará com a presença de alguns convidados cujos nomes ainda não foram anunciados.
 

Casa de diversão e promotora de espectáculos, a Casa70 tem, ao longo dos 13 anos de existência, contribuíndo para a promoção da música e dos artistas angolanos, produzindo eventos. Até 2009 tinha também sob sua responsabilidade a produção do Festival Internacional de Música do Sumbe (FestiSumbe), que anualmente congrega músicos angolanos e estrangeiros.


Fonte: Angop

Rádio Jet7 Angola

Vídeos Sugeridos

Procurar Vídeo