Polícia arquiva queixa de brasileira contra Chris Brown

As autoridades policiais norte-americana terão arquivado o processo de violência contra o cantor Chris Brown, movido recentemente por uma mulher brasileira de nome Liziane Gutierrez, revela o TMZ.

Liziane acusava o cantor de a ter agredido com um soco na cara, pelo facto de ter levado o seu telemóvel para uma festa privada, organizada por Chris Brown, no Hotel Palms, em Las Vegas, onde era proibido o uso de telemóveis.

A mulher conta que ao se aproximar do cantor para tirar uma foto, este partiu de imediato para a agressão e os seguranças expulsaram-na da festa.

No entanto, o cantor negou ter agredido a mulher e refere que houve apenas alguns desacatos porque Liziane pretendia entrar para a festa sem autorização.

As autoridades procederam a análise das imagens das câmaras de segurança do local, e concluíram que a versão de Liziane não corresponde com a verdade, por isso, o caso foi arquivado.

Fonte: TMZ

Rádio Jet7 Angola

Vídeos Sugeridos

Procurar Vídeo