Percurso dos Buraka Som Sistema representado em documentário

O documentário “Off the beaten track”, do cineasta João Pedro Moreira, sobre o grupo português de kuduro Buraka Som Sistema, vai estrear dia 10 de Outubro, em Londres, anunciou ontem a editora Universal Music.

 

O filme acompanha os músicos do grupo em viagem por vários países, como Angola, Venezuela, França e Índia, para explicar como é que surgiu o “fenómeno que é Buraka Som Sistema”, sustenta a editora em comunicado.


Com os depoimentos de vários artistas estrangeiros, como Santigold e Diplo, o documentário recorda ainda o incêndio que destruiu os escritórios da agência Enchufada e revela parte do trabalho de estúdio dos Buraka Som Sistema para o próximo álbum.


Além de Londres, o documentário “Off the beaten track” vai ser exibido no dia 15 em Berlim, 17 em Paris, 18 em Amesterdão e 19 em Leuven (Bélgica).


O núcleo dos Buraka Som Sistema inclui Kalaf Ângelo, DJ Riot, Branko e Conductor, ao qual se juntam a MC e bailarina Blaya e o baterista Fred Ferreira. O grupo anunciou em Maio a gravação, em Londres, de um novo álbum, que deve sair no começo de 2014 e sucede a “Komba”.


O grupo editou também no final de 2012 uma caixa com toda a discografia, que inclui o primeiro registo, o EP “From Buraka to the world”. Este mês, os Buraka Som Sistema ainda vão actuar em vários festivais em Bratislava (Eslováquia), Oudenaarde (Bélgica) e Varazdin (Croácia).


O Buraka Som Sistema é uma banda portuguesa cuja sonoridade se integra no género musical kuduro, sendo frequentemente a­pelidada como fundadora do novo som electrónico kuduro progressivo. O seu primeiro grande sucesso foi com a música “Yah!”, em 2006, com Petty e Kalaf.

 

Fonte: Jornal de Angola

 

Rádio Jet7 Angola

Vídeos Sugeridos

Procurar Vídeo