Messi condenado a 21 meses de prisão por fraude fiscal

O futebolista do Barcelona, Lionel Messi, e o seu pai, Jorge Messi, foram condenados esta quarta-feira a 21 meses de prisão por fraude fiscal, afirma o jornal espanhol “EL Periódico de Catalunya”.

Os dois foram condenados por tentarem enganar o estado espanhol em 4,1 milhões de euros, usando empresas localizadas em paraísos fiscais. A fuga ao fisco tem a ver com os rendimentos obtidos pelo jogador entre 2007 e 2009.

Messi e Jorge terão também de pagar uma multa de 3,7 milhões de euros, e poderão escapar à prisão, visto que a lei espanhola permite a suspensão de penas inferiores a 2 anos.

Segundo a agência EFE, ambos já foram notificados sobre a decisão do tribunal.

Fonte: El Periódico de Catalunya / Agência EFE

(Foto: Reprodução)

Rádio Jet7 Angola

Vídeos Sugeridos

Procurar Vídeo