Leila Lopes recebida com honras na chegada a Luanda

O trânsito em algumas ruas da cidade de Luanda vai estar condicionado, a partir das dez horas de hoje, devido à chegada da Miss Universo, Leila Lopes.


Numa nota de imprensa, enviada, ontem, ao Jornal de Angola, o Governo Provincial de Luanda refere as ruas que vão sofrer alterações à circulação rodoviária: Avenida Revolução de Outubro, entre o aeroporto e a Avenida Ho Chi Min, e do Largo da Independência até à Igreja Sagrada Família.


Os automobilistas não vão poder circular, também, a partir das dez horas, pelas Avenidas N’Kwame N’Kumah, Amílcar Cabral, 4 de Fevereiro, Viaduto da Ilha e a Rua dos Correios de Angola.

 

A Avenida 1º Congresso do M­PLA, Estrada da Samba e Comandante Loy até ao Centro de Convenções de Talatona vão receber também o cortejo automóvel em homenagem a Leila Lopes.


Hoje, Miss Universo regressa a Angola para compartilhar a sua conquista internacional com o seu país e com o povo que a projectou para o mundo.


O Movimento Espontâneo recebe, no Aeroporto Internacional 4 de Fevereiro, Leila Lopes. Miss Universo participa, logo depois, num cortejo automóvel que parte da Mutamba, sobe a Rua da Missão, vai ao Kinaxixi, desce ao Porto de Luanda e segue para a nova avenida da Praia do Bispo.


Em frente ao monumento ao Presidente Agostinho Neto, faz uma paragem para saudar a população e segue com destino a Talatona.


Agenda carregada


Leila Lopes é recebida, no período da tarde, pela Primeira-Dama de Angola e madrinha do Comité Miss Angola, Ana Paula dos Santos. Às 18 horas, concede uma conferência de imprensa, em Talatona. À noite, Miss Universo participa num cocktail para convidados, no Clube das Palmeiras.


No dia 28, a partir das 9h30, visita um projecto social promovido pelo Instituto Nacional de Luta contra a Sida e, às 11 horas, é recebida, em audiência, pelo ministro da Hotelaria e Turismo, Pedro Mutindi, na sede do ministério. Um almoço de confraternização vai ser realizado no Restaurante Esplanada Grill.


A agenda de Leila Lopes inclui acções que se estendem até ao dia 30 de Outubro.  No seu último dia em Angola, Miss Universo também visita, às 9h30, um projecto social da Fundação Lwini.


Leila Lopes traz na bagagem, além do título de mulher mais bela do Universo, o convite da ONU para ser embaixadora para as regiões áridas no quadro da Convenção das Nações Unidas para o Combate à Desertificação.


Leila Lopes regressa ao país disposta a contribuir para que mais acções sociais sejam desenvolvidas em Angola e em África através de iniciativas privadas e públicas.


Fonte:
Jornal de Angola

Rádio Jet7 Angola

Vídeos Sugeridos

Procurar Vídeo