Koffi Olomidé actua em Luanda no dia 27 de Julho

Luanda - O músico da República Democrática do Congo, Koffi Olomidé, disse hoje (quarta-feira), em Luanda, que está preparado para um bom espectáculo dia 27, no Cine Atlântico, e disposto a realizar outros shows se os angolanos assim o desejarem.
 
Em entrevista exclusiva à Angop, a estrela da "rumba congolesa" afirmou que como artista faz aquilo que lhe é solicitado, e apesar de ter aproveitado para ver como andam as coisas com relação ao espectáculo previsto para 27 deste mês, veio especialmente para atender à um convite particular.
 
“Mas estou disponível, se os angolanos quiserem, a realizar outros espectáculos e até mesmo a deslocar-me para o interior de Angola; Posso ir ao Huambo, a Benguela ou à Huíla. Sempre se pode arranjar alguma coisa”, afirmou o cantor de nome próprio Antoine Mumba.
 
Apesar de nascido em Kisangani, a 13 de Julho de 1956, o músico cresceu na cidade de Kinshasa e foi nos anos 70 que Koffi se juntou à Banda de Papa Wemba, Viva la Musica, primeiro como compositor, e mais tarde como vocalista; Já com carreira a solo formou, em 1986, a sua banda conhecida como Quartier Latin.
 
Ao longo da sua carreira, construiu uma legião internacional de admiradores fiéis, tendo popularizado o estilo soukous, a que chamou Tcha Tcho. Fruto do sucesso de “Affaire d Etat”, lançado em 2003, Koffi recebeu numa única edição quatro prémios kora, incluindo o de Melhor Artista africano, que ele já havia recebido em 1998.
 
Koffi Olomidé regressa dentro de quinze dias a capital angolana, para realizar um único espectáculo sábado, 27, no Cine atlântico, organizado pela LS Republicano.
 
 
Fonte: Angop

Rádio Jet7 Angola

Vídeos Sugeridos

Procurar Vídeo