Kim Kardashian assustada com possibilidade de vir a retirar o útero

Grávida pela segunda vez, Kim Kardashian, esposa de Kanye West, admitiu estar assustada com a possibilidade de vir a retirar o útero após dar à luz.

Kim Kardashian revelou à revista C Magazine, que teve uma doença chamada “acretismo placetário”, e que submeteu-se a várias cirurgias para curar a doença, o que terá dificultado a segunda gravidez:

"Tive uma doença chamada acretismo placentário. Fiz pequenas cirurgias para tentar resolver, o que criou um pequeno buraco no meu útero. Acho que isso dificultou a segunda gravidez. Foi uma longa jornada. Ia ao médico todos os dias em Beverly Hills às cinco da manhã fazer exame para saber se estava a ovular. Tentei de tudo: fiz acupuntura, fui à nutricionista porque pensei que a alimentação estava a atrapalhar", revelou.

Kim Kardashian afirmou que os médicos acreditam que poderá sofrer novamente de acretismo placetário caso a placenta cresça mais do que na primeira gravidez, o que resultará na remoção do seu útero:

"Os médicos acham que terei acretismo de novo, e se a placenta crescer um pouco mais do que da última vez, estão preparados para retirar o meu útero, o que é assustador para mim. Vamos ver o que vai acontecendo, e como será o parto”, afirmou.

Fonte: Nova Gente

Rádio Jet7 Angola

Vídeos Sugeridos

Procurar Vídeo