Jay-Z acusado de promover discriminação racial

O poderoso rapper e produtor de música americano Jay-Z, de 39 anos, marido da actriz e cantora Beyoncé Knowles, está a ser acusado pela Imprensa britânica de ter usado uma festa que promoveu em Londres para expressar uma posição de discriminação racial.

De acordo com o que escrevem os jornais ingleses, a entrada na área vip da festa que Jay-Z organizou e pagou na discoteca Mirrah, após a gala dos Brit Awards 2010, na terça-feira passada, estava alegadamente vedada a brancos.

 

Segundo alguns observadores que estiveram na festa, houve várias celebridades que foram impedidas de entrar, mas só mais tarde terão percebido a razão: apenas os negros tinham acesso ao local.

Um porta-voz do rapper já saiu a público para desmentir a acusação, alegando que o incidente não teve qualquer natureza racial, devendo-se apenas a uma questão de segurança, uma vez que a discoteca estava sobrelotada.

 

Fonte: Vidas.pt

Rádio Jet7 Angola

Vídeos Sugeridos

Procurar Vídeo