Escritor Mendes de Carvalho morre aos 89 anos

Escritor Mendes de Carvalho morre aos 89 anos

 

Agostinho Mendes de Carvalho, mais conhecido por Uanhega Xitu, faleceu na manhã desta quinta-feira na cidade de Luanda, vítima de doença prolongada, informa um familiar ao SAPO.

Amigos e familiares colocaram fotografias nas redes sociais a endereçaram sentimentos de pesar à família enlutada.

Agostinho Mendes de Carvalho, "Uanhega Xitu", nascido em Ícolo e Bengo, Angola, no dia 29 de Agosto de 1924, é considerado um dos escritores angolanos mais originais e carismáticos. Nos últimos anos, o trabalho do escritor foi objecto de estudos científicos e homenagens em território nacional e além-fronteiras.

Uanhenga Xitu foi enfermeiro e exerceu clandestinamente actividades políticas visando a independência de Angola, tendo sido preso pela PIDE no seguimento da detenção no aeroporto de Luanda. O escritor foi julgado pelo tribunal militar e condenado a 12 anos de prisão, com  medidas de segurança e perda de direitos políticos por 15 anos.

Na prisão começou a escrever as suas histórias e, já em liberdade, retomou a actividade política. Depois de alcançada a independência de Angola, exerceu as funções de Ministro da Saúde, Comissário da Assembleia Nacional pelo MPLA, cargo do qual abdicou por motivos de saúde.

Repleta de histórias populares, a narrativa de Uanhenga Xitu está despida do rigor literário, pois a preocupação primeira do autor era a de estabelecer uma ligação semiótica com o seu povo, que o estimulava a escrever.
A sua vivência na senzala  transformou-o num homem solidário e sensível às necessidades humanas. Uanhenga Xitu sempre afirmou que "o que me preocupa é a situação do povo".

Em 2006, recebeu a distinção do Prémio de Cultura e Artes, na categoria de Literatura, pela qualidade do conjunto da sua obra, causando-lhe uma enorme surpresa. Uanhenga Xitu entrava assim para a lista dos melhores autores da história literária angolana.

Obras do autor:

- O Meu Discurso
- "Mestre" Tamoda
- Bola com Feitiço
- Manana
- Vozes na Sanzala (Kahitu)
- "Mestre" Tamoda e Outros Contos
- Maka na Sanzala
- Os Sobreviventes da Máquina Colonial Depõem
- Os Discursos do "Mestre" Tamoda

 

Fonte: Sapo Angola

Rádio Jet7 Angola

Vídeos Sugeridos

Procurar Vídeo