Elias dya Kimuezo interpreta sucessos

Elias dya Kimuezo, Bangão, Dom Caetano, Mamukueno, Zecax e Pedro Cabenha  são os destaques do espectáculo  “Parabéns Zédu”, que se realiza  sábado, a partir das 18h00, no distrito urbano do Sambizanga, em Luanda,  para saudar os 70 anos do Presidente da República, que se comemora a 28  deste mês.


Do elenco do espectáculo, promovida pelo Movimento  Nacional Espontâneo e organizada pela Dade Eventos Culturais, com o  apoio do MPLA, constam ainda os nomes de Puto Português e a sua banda,  Ângelo Boss, Esmeralda, Augusto Chacaya, Baló Januário, Dom Manix,  Madruga Yoyo, Puto Lilas, Vagabanda, W. King e Nagrelha.

 

Os músicos  vão ser acompanhados pela banda Yetu, composta por Xalita Carlitos  (bateria), Matias Kamalengue (viola baixo), Paulino Bonjo (viola ritmo),  Rabino Josué (teclados), Bívo Dianzo (percussão), Joaquim Paulo  “Lolito”, Segura Show e Malú (vozes).

 

A velha guarda do agrupamento  musical “Os Jovens do Prenda”, uma das referências da música urbana  angolana, também faz parte do elenco artístico. Elias José Francisco,  ou simplesmente Elias dya Kimuezo, nasceu a 2 de Janeiro de 1936 no  bairro Marçal, em Luanda. Começou a sua carreira em 1950, no grupo  “Ginásio”, como compositor.

 

Em 1956, apareceu como intérprete e  tocador de bate-bate, integrado no conjunto Kizomba, radicado no  município do Sambizanga. Nessa mesma altura funda o agrupamento  Dikundus, constituído por operários fabris, destacando-se como vocalista  principal. Vencedor da edição 2005 do Top dos Mais Queridos, Bangão,  que vai ser acompanhado pela banda Yetu, vai interpretar sucessos do  seu vasto repertório, em que se destacam “Sembele”, “Kakixaka”,  “Fofucho”, “Kinjila”, “Dioguito”, “Camiuda” e “Kangila” (Pássaro  Agoirento).

 

 

Dom Caetano vai interpretar temas dos seus dois discos,  “Adão e Eva” e “Mateus 7.7”, onde os destaques são “Sou Angolano”,  “Semba Dilema”, “Uejia Kussokana” e “Kanjila”.  Mamukueno tem sucessos  como “Bela Bela”, “Ngadelele”, “Makongo”, “Ndalatando”, “Peixeira” e  “Eza Kungiambela”.

 

 

Fonte: Jornal de Angola

Rádio Jet7 Angola

Vídeos Sugeridos

Procurar Vídeo