Dj Kadu: «Muitos artistas ainda fazem música só para aparecer»

 

Irmão do músico de sucesso Yuri da Cunha, Dj Kadu vai lançar o seu álbum este ano. Nesta senda, e durante uma entrevista à TPA 2, aproveitou para falar sobre a sua carreira e dar a sua opinião sobre o estado actual da música angolana.



Em entrevista à TPA 2 o Dj contou que não seguiu os mesmos passos do irmão porque desde muito novo que sempre teve gosto por ouvir música e sentia que podia fazer algo diferente na família, tocando aquilo que os irmãos cantavam. Por esse motivo aprendeu a tocar e decidiu dar continuidade a esses passos.



Residente em Portugal, o angolano afirmou estar tudo a correr bem em relação ao seu trabalho e que mesmo com a situação política que se vive no momento no país em que reside, não faz planos de voltar à terra natal porque "em equipa que ganha não se mexe".

 

Em relação à sua visão nos mercados em que actua, Kadu salientou que agora já se ouve muita música angolana pelo mundo inteiro salientando que já não se surpreende com as escolhas de musica para as pistas de dança portuguesas pela familiarização das mesmas com o estilo angolano.


Kadu contou que uma das boas surpresas que teve foi quando esteve recentemente no Canada para tocar e teve uma recepção surpreendente pois não esperava a aceitação que teve: "Fiquei surpreso por ter feito uma noite com 80% de música angolana".
 

Quando à musica nacional o Dj afirmou que o mercado musical no país teve um grande crescimento nos últimos anos mas que depois ficou um pouco banalizado com as vendas constantes que se têm feito na praça: "Muitos artistas ainda fazem músicas para aparecer, mesmo tendo talento."
 

Também a sua opinião sobre a versatilidade do seu irmão Yuri da Cunha principalmente depois da sua nova música “Atchutchutcha” sendo ele um sembista foi solicitada, ao que o Dj respondeu : "O Yuri sempre foi um artista muito versátil, qualidade que é muito importante para o sucesso e a continuidade do trabalho de um músico. É preciso criar a ideia e saber trabalhar com outras ideias provenientes dos produtores. O artista não pode morrer num só estilo, e se olharmos para trás, ele já tinha feito várias faixas de sucesso com Sandokan, Sebem e Big Nelo."

 

"Já não é novidade para mim o Yuri fazer musica do género. Ser versátil é uma característica que ele tem há muito tempo e impulsiona outros artistas também a variarem os seus repertórios. Quanto à faixa, tudo começou numa brincadeira e percebemos a sua força quando exibimos algumas partes nos shows com o Team de Sonho. Depois, decidimos ir para a África do Sul gravar a mesma  e aproveitamos para acrescentar um pouco do estilo local com um produtor sul africano."
 

Deejay Kadu garantiu ainda que o seu álbum está para ser lançado ainda este ano, e adiantou que tem a participação de Yuri da Cunha na faixa “Umbi Umbi”.

 

Fonte: Sapo Banda

Rádio Jet7 Angola

Vídeos Sugeridos

Procurar Vídeo