Conheça os benefícios da semente de chia para a sua saúde

Conheça os benefícios da semente de chia para a sua saúde

Você sabe quais são os benefícios da chia para a saúde? Se não sabe, então ficará a saber o porquê que esta semente proveniente de alguns países do continente americano se tornou bastante procurada e consumida em todo o mundo.

A Salvia hispanica, popularmente conhecida como Chia ou Sementes de Chia, é uma planta herbácea da família das lamiáceas, nativa da Guatemala, México e Colômbia.

Conheça os benefícios da semente de chia para a sua saúde

A semente de chia é considerada pelos nutricionistas como sendo “um superalimento” por apresentar muitos nutrientes e em níveis bastante elevados, talvez seja o alimento com mais nutrientes que se conhece até ao momento.

Os principais nutrientes da semente de chia:  

Ômega 3: A semente da chia é uma das mais ricas fontes conhecidas, tanto animal quanto vegetal. Possui teor muito maior do que o encontrado na linhaça e no salmão.

Cálcio: Cinco vezes a concentração do mineral encontrada no leite de vaca. Foi recentemente descoberto, que ele também ajuda a queimar gordura no organismo.

Magnésio: Possui duas vezes mais do que em castanhas e nozes.

Manganês e fósforo: Três vezes mais do que no espinafre.

Proteínas:  É uma fonte de proteína completa, que fornece todos os aminoácidos essenciais que o homem precisa.

Fibras: A alta concentração de fibras alimentares faz da chia um aliado do emagrecimento e na boa digestão. São também extremamente ricas em vitaminas e minerais, sendo uma das fontes vegetais mais ricas que se tem conhecimento até hoje.

Antioxidantes: A presença do flavonoide kaempferol e, em menor quantidade, os ácidos caféicos e clorogênico presentes provêm à chia três vezes mais antioxidantes que as famosas uvas-do-monte.

 

As vantagens das sementes de chia para a nossa saúde

São muito nutritivas. A chia tem mais ômega 3 do que qualquer outra fonte natural, possuem enormes quantidades de antioxidantes, cálcio, proteínas, fibras e muitas outras vitaminas e minerais. É um dos alimentos funcionais conhecido mais saudáveis e completos.

Proporcionam muita energia. As sementes de chia são calóricas e fornecem resistência e durabilidade. As fibras presentes na semente de chia são do tipo solúveis, que “incham” o estômago, causando sensação de saciedade e retardando a sensação de fome. Equilibram o açúcar no sangue, garantindo energia ao longo do dia. Uma única colher poderia sustentar guerreiros astecas por várias horas.

Reduzem a ansiedade. Como as sementes de chia absorvem tanta água (cerca de 12x seu próprio volume) e têm fibras altamente solúveis, eles ajudam na digestão de carboidratos e, consequentemente, na liberação de energia lentamente na corrente sanguínea.

Protegem o cérebro. Favorecem as ligações cognitivas no cérebro. Muitos estudos relacionam os ácidos linoleico e alfa-linolênico presentes na semente com a formação das membranas celulares, as funções cerebrais e a transmissão de impulsos nervosos.

Deixam a pele e os cabelos mais bonitos. Na sua composição nutricional, a chia também apresenta vitamina A, nutriente que age como antioxidante contra os radicais livres e também auxilia na redução da acne e prevenção do ressecamento da pele. A semente também leva vitamina B2, importante na saúde da pele, unhas e cabelos. 

Combatem a celulite. Já se sabe que a semente de chia contém quantidades significativas de ômega 3 e muitos estudos têm relacionado o consumo desse ácido graxo com a diminuição da inflamação, o que seria interessante para diminuir e evitar celulite, um processo inflamatório do organismo.  

Fortalecem o sistema imunitário. Por conter minerais como o selênio e zinco, que auxiliam o sistema imunológico, a chia é importante para reforçar as defesas, afastando de perto doenças como gripes, resfriados e processos infecciosos. Além disso, por ter nutrientes como fósforo, manganês, cálcio, potássio e sódio, a semente é indispensável para a manutenção da integridade e saúde das células.

Ajudam a emagrecer. As sementes de chia agem em três frentes distintas que auxiliam no emagrecimento:

1. Causam saciedade. Suas sementes são mucilaginosas, ou seja, ricas em fibras. Ao entrarem em contato com a água, formam um “gel” no estômago. Diante dessa reação, a digestão torna-se mais lenta. Assim, o indivíduo fica satisfeito mais rapidamente e durante um período mais longo e, então, passa a consumir porções menores de alimentos.

2. Combatem a inflamação. A gordura acumulada é resultado de um processo inflamatório do organismo, que deixa de enviar mensagens de saciedade ao cérebro. Com isso, perde-se o controle sobre a fome a ponto de comer e nunca se sentir satisfeito. O ômega-3 presente no grão combate essa inflamação, ajudando o corpo a recuperar o controle sobre o apetite.

3. Desintoxicam. A fibra regula o trânsito intestinal e limpa o organismo por meio das fezes. Essas fibras ainda retêm parte da gordura presente nos alimentos. E isso acaba saindo nas fezes em maior quantidade do que o habitual.

Qual é a quantidade recomendada para o seu consumo?

Não existe uma quantidade específica para o seu consumo, no entanto, os nutricionistas recomendam ingerir uma quantidade de até 2 colheres de sopa por dia.

É importante não exagerar no seu consumo visto que esta semente é altamente calórica, e se consumida de forma exagerada, poderá fazer com que aumente de peso.

Como poderei consumir a semente de chia?

Conheça os benefícios da semente de chia para a sua saúde

A semente de chia pode ser consumida de várias formas: pode misturar com leite, iogurte, saladas, usar na receite de bolo, batidos, etc.

Fonte: Sementedechia.info / Minhavida.com.br / Jet7 Angola

Rádio Jet7 Angola

Vídeos Sugeridos

Procurar Vídeo