Cantora Yola Semedo submetida à operação de emergência

A cantora angolana Yola Semedo foi submetida à uma operação de emergência, nesta terça-feira, em Luanda, depois de passar mal, de acordo com o promotor da artista, Carlos Dias.
 
 
Em declarações hoje à Angop, Carlos Dias disse que a interprete começou a sentir dores, tendo de seguida sido levada à clínica Meditex onde lhe foi diagnosticada apêndice, em estado avançado.
 
 
“A Yola, neste momento, encontra-se a recuperar, na clínica, e está a receber todos os cuidados, porque a doença estava em estado avançado e não se manifestava. Em tempos ela fez alguns exames no exterior do país, mas não foi detectado nada”, explicou.
 
 
Segundo a fonte, a equipa que trabalha com a cantora teve que adiar alguns compromissos que tinha agendado para os próximos tempos, até a sua completa recuperação.
 
 
“Tivemos que cancelar todos os compromissos profissionais da Yola Semedo até ordem dos médicos que lhe estão a tratar. Lamentamos estes transtornos, principalmente o que tínhamos agendado para dia 17 do corrente mês com a Angop”, acrescentou.
 
 
Yola Moutofa Coimbra Semedo nasceu na cidade do Lobito (Benguela) a 8 de Maio de 1978. É actualmente a artista angolana mais premiada.
 
 
Conquistou o prémio de “Voz de Ouro de África” (1995) em representação de Angola no festival organizado pela Unesco, na Bulgária. Foi considerada melhor voz feminina de Angola por três vezes (2000, 2006, 2007).
 
 
Ganhou o prémio de Balada do ano (2006), melhor intérprete feminina, duas vezes (2006, 2007), diva do ano em 2007 e 2008. Conquistou a edição 2010 do Top dos Mais Queridos, uma realização da Rádio Nacional de Angola.
 
 
Fonte: Angop

Rádio Jet7 Angola

Vídeos Sugeridos

Procurar Vídeo