Cantora Nazarina Semedo em entrevista ao Jet7 Angola

Cantora Nazarina Semedo em entrevista ao Jet7 Angola

O Jet7 Angola esteve a conversa com a cantora angolana Nazarina Semedo, a propósito do seu percurso no mundo da música e também sobre os seus projectos futuros.

Acompanhe a entrevista:

Jet7 Angola: Quem é a Nazarina Semedo?

Nazarina Semedo: Sou uma jovem simples como outra  qualquer, com a diferença de, a música ser a minha grande paixão.

Jet7 Angola: Fale-nos um pouco do seu percurso artístico e sobre quem são as suas referências musicais?

Nazarina Semedo: Comecei a minha carreira em1995/96, na igreja Metodista, visto que sou metodista de gema. Comei por ter aulas de violão porque pretendia aprender a tocar, até que numa das aulas tive que cantar e tocar, quando o meu professor na altura Mateus Júnior, disse-me que a partir daquele dia ele começaria a dar- me aulas de canto, porque notara um timbre vocal que lhe despertou algo. Foi então que comecei a praticar o canto, depois com o conselho do professor, para além das aulas particulares, ingressei para academia de música, aonde aperfeiçoei-me  em vocalização, teoria musical, solfejo e tantos outras técnicas.

Na igreja tentei as aulas particulares e do coral, tinha vários colegas músicos angolanos, e nos nossos intervalos cada um mostrava um pouco dos seus dotes musicais, quando o meu colega músico, Tchissica Artz , que a terra lhe seja leve, convidou-me para participar no seu disco que estava a ser gravado na EP Estúdios, e olha que foi um sucesso. Daí foi só somar…Participei em muitos discos como corista, pertenci a varias bandas e projetos, fui responsável por vários temas de novelas de trilhas sonoras da nossa T P A. Fui também directora artística dos Estúdios BMax. E tanto outros.

Quanto as minhas referências musicais, desde sempre foram a Aretha Franklin, Eunice José e música gospel.

Jet7 Angola: A Nazarina está a trabalhar num novo projecto. Quer falar-nos um pouco sobre este projecto, que mensagem, experiências e sonoridades é que a Nazarina pretende oferecer ao público?

Nazarina Semedo: Sim, estou agora a preparar o meu segundo CD de originais com bastante cuidado e carinho, visto que já algum tempo não lanço nada, neste trabalho procurei fazer aquilo que me identifica, contudo também arrisquei com surpresas, trabalhei com músicos angolanos como, Caló Pascoal, Dj Manya, Sandokan, Rei webba, e colaborei também com novos produtores como Gabriel Satxibala, Yoyo e Osmar, bons produtores com sangue fresco e boas tendências

Jet7 Angola: Acha importante os artistas promoverem músicas que contenham uma mensagem positiva sobretudo para uma sociedade como a nossa, que tem graves problemas ao nível cultural e de educação?

Nazarina Semedo: Com certeza que sim, e olhem que a partir do momento que ingressei para a universidade no curso de Sociologia, a minha preocupação aumentou quanto a este assunto, é muito importante termos cuidado na elaboração dos temas, principalmente, não olhando somente para a questão comercial, mas também para os problemas sócios-culturais, ajudando o nosso povo com ilustrações positivas.

Jet7 Angola: A Nazarina partilha da opinião de que a industria musical é ainda muito dominada pelos homens? Como vê o papel das artistas angolanas nesta indústria?

Nazarina Semedo: Claro que não! Hoje o mercado musical feminino cresceu consideravelmente, era no outrora que as mulheres eram vistas com outros olhos quando subissem ao palco para cantar, hoje é visto com maior orgulho, não deixamos nada a desejar em relação aos homens.

Jet7 Angola: Trabalha sempre com produtores angolanos, ou procura estar também em contacto com produtores estrangeiros para possíveis colaborações?

Nazarina Semedo: Claro, hoje não temos como fugir a regra, e sobretudo em buscar qualidade sonora e musical, trabalhar com os artistas angolanos e estrangeiros só enriquece muito mais o nosso trabalho.

Jet7 Angola:Ter uma boa voz e músicas de qualidade, garante o sucesso de uma artista ou é necessário algo adicional, sobretudo num mundo cada vez mais virado para as coisas imediatas?

Nazarina Semedo: Sim, uma voz boa e ter hits musicais ajudam, mais não podemos deixar de frisar que a imagem conta muito. Ser inteligente, bom Look ajudam sempre (risos).

Jet7 Angola: Tem algum segredo de beleza?

Nazarina Semedo: A auto- estima, independentemente de ajustar o que não está bem; e gostarmos de nos mesmos é sempre um grande segredo de beleza.

Jet7 Angola: A sociedade faz muitas exigências as mulheres esquecendo-se muitas vezes de que cada vida tem a sua história e seus imprevistos. Como lida com esta pressão e que mensagem gostaria de partilhar com outras mulheres, para que estas abraçassem a sua individualidade sem receio mas com muita garra?

Nazarina Semedo: É super importante saber sempre o que  queremos; ter os nossos ideais bem patentes, afinal somos mulheres guerreiras em busca do melhor para nós e para os nossos. O resto é resto, difícil é a agradar a todos.

Jet7 Angola: Pelo mundo afora é muito comum os artistas estarem dependentes das rádios, dos djs e até de "lobbies", mas o facto de um grande número de pessoas ter acesso a internet dá mais opções de divulgação para artistas independentes. Isto infelizmente não acontece no nosso país, como lida com este tipo bloqueios?

Nazarina Semedo: Os bloqueios são respondidos com trabalho, enquanto estivermos de pé teremos que aprender a lidar com as coisas boas e más.

Jet7 Angola: Que pessoas nunca deixaria pra trás?

Nazarina Semedo: Aquelas que amo e que são meus verdadeiros parceiros.

Perfil:

Nome Completo: Nazarina de Fátima Abrigada Semedo Paim

Data de Nascimento: 17 de Junho de 1981

Natural de : Luanda

Filhos: 2 filhos (uma menina de nome Loina de Sara, e o meu pequeno de 1mês, Eliezer Robinell

Estado civil: Casada

Filmes Favoritos :  Romances e filmes de acçao

Músicos Favoritos : Jennifer Hudson e Talles Roberto

Livros Favoritos :Bíblia Sagrada e livros de Autoajuda.

Eu sou viciada em Música e família

Fonte: Jet7 Angola

Rádio Jet7 Angola

Vídeos Sugeridos

Procurar Vídeo