Bruno M anuncia que deixará de cantar kuduro

O kudurista Bruno M pediu ontem em Luanda desculpa aos seus fãs pelo sucedido domingo último, durante o lançamento do mais recente trabalho discográfico “Batida única volume II”, na Praça da Independência, tendo anunciado a mudança de estilo musical.

 

As declarações foram proferidas ontem em conferência de imprensa numa das salas do Hotel Trópico. Informou que “Batida Única volume II” é o último disco de kuduro da sua autoria.

 

O CD “Batida única Volume II” tem 16 faixas musicais, fabricado na África do Sul e masterizado e editado no estúdio Batida Única da Última Linha, em Luanda.

 

Bruno M não explicou qual é o estilo em que vai apostar nos próximo trabalhos discográficos. Acrescentou ainda que depois da sessão de venda na Praça da Independência vai levar o CD “Batida Única volume II” no sábado e domingo ao Marco Histórico do 4 de Fevereiro no Cazenga e à Casa da Juventude em Viana.

 

Participaram na gravação do disco de Bruno M os músicos Puto Prata, The Game Walla e Ângelo Reis. O gestor da “Milionário Record”, Horácio Mosquito, revelou que assinou um contrato com Bruno M.

 

Horácio Mosquito explicou que o atraso da venda do disco do Bruno M no passado domingo foi devido à chegada tardia ao país das cópias do CD. Disse que Bruno M esteve na Praça da Independência e autografou o seu segundo disco, mas muito depois da hora marcada.

 

Fonte: Jornal de Angola

Rádio Jet7 Angola

Vídeos Sugeridos

Procurar Vídeo