Apresentada ao público a nova revista angolana intitulada "Ritmos"

Luanda - Uma revista intitulada “Ritmos”, vocacionada à divulgação das artes e cultura, foi lançada sexta-feira em Luanda, com o objectivo de conquistar os amantes da leitura.

 

 Neste número zero, a publicação, propriedade da empresa Setas's Business, faz uma alusão especial aos eventos e figuras que tem movimentado a música angolana, tendo como destaque a imagem e história do músico Cabo Snoop.

 

 Com 100 páginas e de periodicidade quinzenal, segundo o director de publicação, Salú Gonçalves, que falava à Angop, a revista pretende ir buscar uma série de informações sobre rítmos angolanos dentro e fora da grande Luanda, nos países africanos de língua portuguesa e fora do continente.

 

“ Há muitos rítmos, há muitas acções na arte e cultura que tem vindo a acontecer  em Angola que são do desconhecimento da maior parte dos angolanos e que precisam ser noticiados”, asseverou.

  

A revista, concebida com várias rubricas como Garota Rítmos, A Voz da Persistência e Exemplo da Vida, constam outras matérias de realce, além da de Cabo Snoop, como as entrevistas com Yola Semedo, Bruno M, o retrato da persistência musical de Man Prole (o músico Proletário), imagens da modelo Nádia Vasconcelos entre outras.

 

Os escritores António Panguila e Kanguimbo Ananás enalteceram a iniciativa de um grupo de jovens ávidos em trabalhar em prol da cultura nacional.

 

Fazem parte da publicação, que tem como director executivo José Caculo, os redactores Luzia Ferro, Epifania Lima, Vladmir Quinvula, Marcela Veloso, Emílio José, Gerónimo José e Gelson Manuel.
 
 
Fonte: Angop  

Rádio Jet7 Angola

Vídeos Sugeridos

Procurar Vídeo